Composição Nutricional da Maca Peruana

planta maca peruana

A planta obtém uma diversidade de benefícios que podem propor o bem-estar. Atribui um alto valor nutritivo, sendo conhecida como uma planta nativa do Peru, a sua cultivação aproxima-se de mais de dois mil anos. Onde se encontra os benefícios é na raiz, pois a planta vem com uma espécie de rabanete, ao ser arrancado, passa pelo processo de secagem, mas sem perder o alto valor dos seus nutrientes, a planta tem a capacidade de ser preservada por um longo período de tempo sem que seus efeitos nutritivos sejam perdidos.

A Maca Peruana pode ser consumida em pó ou em cápsula, composta em pó pode ser adicionada em sucos, geleias, mingaus, bebidas, alimentos, etc. Antes de realizar o uso do seu consumo, é recomendável o acompanhamento de um profissional, para a conclusão da dosagem correta, pois pode causar desintoxicação, um processo que pode ser considerado como um benefício, mas pode apresentar efeitos colaterais em pessoas que já possuem uma alimentação voltada para alimentos industrializados. No caso pessoas que possuem doenças crônicas como renais, alergia a certos alimentos, conservantes, etc. Aconselhável realizar o consumo da raiz, sobre descrição médica.

As propriedades dos componentes nutricionais que a Maca Peruana carrega em média pode oferecer, para cerca de 200 gramas, até:

  • 152 gramas de carboidratos
  • 36 gramas de proteína
  • 4 gramas de lipídeos
  • 16 gramas de fibras

 

Quanto as vitaminas, para a mesma porção, a planta pode apresentar até:

  • 86 miligramas de vitamina B3
  • 6 miligramas de vitamina C
  • 1.40 miligramas de vitamina B2
  • 2 miligrama de vitamina B1

 

Os minerais que são apresentados, a sua quantidade pode ser encontrada até:

  • 4.000 miligramas de potássio
  • 80 miligramas de sódio
  • 200 miligramas de magnésio
  • 1200 miligramas de cálcio
  • 600 miligramas de fósforo
  • 48 miligramas de ferro

 

Segundo as pesquisas, uma dosagem considerável pode ser de até três gramas por dia, sendo uma proporção de uma colher de chá rasa por dia. O mesmo departamento aponta que se sofrem sinais depressivos ou pressão alta, indicado a proporção de 0.6 gramas de maca peruana.

Existe a possibilidade sobre a raiz maca peruana, que pode causar o ganho de peso, mas se não for consumo de forma correta, com acompanhamento de prática de exercícios para preservar as condições físicas, por isso é recomendável que ao realizar o uso do consumo, seja incluído alimentos nutritivos e saudáveis, com uma dieta regrada e vinculada as atividades físicas.

Os benefícios em longo prazo com a sua composição nutricional, iniciam a partir do processo de ensino-aprendizagem, reforçando os estímulos do sistema central. Além disso, a sua composição ajuda na recomposição de cálcio, fortalecendo a estrutura óssea, possibilitando uma disposição melhor para atividades físicas.